Sexta, 12 de Julho de 2024
Publicidade

Vitória perde para o Athletico Paranaense e deixa de abrir vantagem da zona de rebaixamento

Com a derrota na 13ª rodada, o Leão manteve o jejum de vitórias sobre o Athletico – desde 2016 que o time baiano não vence o adversário paranaense.

01/07/2024 às 15h21
Por: Redação
Compartilhe:
Vitória perde para o Athletico Paranaense e deixa de abrir vantagem da zona de rebaixamento

O Vitória perdeu para o Athletico Paranaense neste domingo (30) e deixou de abrir vantagem da zona de rebaixamento. Após um primeiro tempo equilibrado, o Rubro-Negro baiano passou a dominar as ações na volta do intervalo, porém o Furacão foi mais efetivo e Julimar marcou o único gol da partida.

Continua após a publicidade

Com a derrota na 13ª rodada, o Leão manteve o jejum de vitórias sobre o Athletico – desde 2016 que o time baiano não vence o adversário paranaense. O resultado também impediu a equipe rubro-negra de abrir vantagem do Z-4 já que aparece na 15ª posição com 12 pontos – a um do Atlético-GO, que é o 17º colocado.

Continua após a publicidade

A 14ª rodada do Brasileirão chega para o Vitória na próxima quinta-feira (4). Desta vez, o Leão encara o Corinthians, às 20h, na Neo Química Arena, em São Paulo.

Continua após a publicidade

O JOGO

Primeiro tempo

Jogo bem disputado, mas com poucas chances de perigo para ambas as equipes. O Vitória começou bem, imprimindo seu ritmo para cima do Athletico-PR, porém faltou “o último passe” para que o Leão fosse para o intervalo com um resultado melhor. Já o Furacão teve mais ações ofensivas, principalmente nas costas dos laterais rubro-negros, mas Lucas Arcanjo foi bem e garantiu o zero no placar. Fim de uma primeira etapa equilibrada no Barradão.

Aos cinco minutos, Esquivel escapou pela esquerda, invadiu a área e cruzou rasteiro. O outro lateral, Léo Godoy, chegou batendo de primeira, mas o xará Naldi deu um na hora certa e travou o chute.

Por pouco! Matheuzinho partiu em velocidade pela direita e fez o cruzamento fechado. A bola encobriu o goleiro Léo Linck e quase entra – passou raspando pelo travessão.

Aos 32 minutos, Zapelli soltou uma bomba de longe e Lucas Arcanjo foi no cantinho espalmar o perigo.

Segundo tempo

O Vitória dominou as ações na segunda etapa. A equipe rubro-negra voltou com ímpeto ofensivo e teve as melhores oportunidades na partida. Porém, quando o goleiro adversário não interviu, a falta de pontaria “prejudicou” o Leão. Já o Athletico apenas observava a troca de passes do time baiano, mas no momento que foi no ataque, fez o gol com Julimar – aproveitando falha de marcação. Fim de jogo e festa dos visitantes no Barradão.

Logo aos dois minutos, Alerrandro abriu com Lucas Esteves na esquerda e passou para a área para receber. O lateral devolveu para o camisa 9, que pegou de primeira, mas a bola foi em cima de Léo Linck.

Aos 24, Lepo recebeu nas costas do marcador e fez o cruzamento rasteiro. Livre de marcação, Janderson chegou bantendo, mas antes de entrar, a bola desviou no zagueiro e saiu.

Quase! Aos 33 minutos, Pablo ganhou dividida no alto contra a dupla de zaga rubro-negra e chutou rasteiro. A bola passou próxima à trave direita com muito perigo.

Gol do Athletico! Julimar contou com a falha da marcação e finalizou cara a cara com Arcanjo para abrir o placar.

FICHA TÉCNICA

Vitória 0 x 1 Athletico Paranaense
Série A – 13ª rodada
Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 30/06/2024 (domingo)
Horário: 18h30
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (FIFA-RJ)
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
Quarto árbitro: Bruno Mota Correia (RJ)
VAR: Rodrigo D’ Alonso Ferreira (SC)

Gol: Julimar (Athletico-PR)
Cartões amarelos: Léo Naldi, Zé Hugo e Caio Vinícius (Vitória) / Bruno Zapelli e Pablo (Athletico-PR)

Vitória: Lucas Arcanjo; Willean Lepo (Raúl Cáceres), Caio Vinícius, Wagner Leonardo © e Lucas Esteves; Willian Oliveira (Rodrigo Andrade), Luan Santos, Léo Naldi e Matheuzinho (Janderson); Osvaldo (Zé Hugo) e Alerrandro (Eryc Castillo). Técnico: Thiago Carpini

Athletico Paranaense: Léo Linck; Léo Godoy, Kaique Rocha, Thiago Heleno © (Gamarra) e Esquivel; Gabriel, Fernandinho (Erick) e Bruno Zapelli (Zé Vitor); Christian (Emerson), Julimar (Di Yorio) e Pablo. Técnico: Juca Antonello

Fonte: Metro1

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Lenium - Criar site de notícias